fique ligada!

Hi, what are you looking for?

Ligada nas DicasLigada nas Dicas

Notícias

Anna Costa e Silva versa sobre fim do amor e virtualização dos afetos em mostra no Rio

anna-costa-e-silva-versa-sobre-fim-do-amor-e-virtualizacao-dos-afetos-em-mostra-no-rio

Obra ‘vênus’, que faz parte da mostra multissensorial – Foto: Ana Pigosso
Anna Costa e Silva apresenta a mostra Tamagotchi_Balé, em cartaz a partir deste sábado (06.05), no Centro Cultural Hélio Oiticica, no Centro do Rio de Janeiro. Com vídeos, performances, esculturas e instalações, a exposição tem curadoria de Gabriela Davies e aborda as relações contemporâneas, as distopias digitais – como a virtualização dos afetos – e o fim do erotismo, através de um ambiente imersivo.
“Era um momento político extremamente sensível, de levante de ideias fascistas e via o papel das redes sociais nesse processo. Observava como todos os nossos afetos e relações passavam agora por big-techs, na mesma medida que nos tornávamos uma mistura de avatares de nós mesmos e de marcas pessoais. As relações afetivas se aproximam cada vez mais de relações de consumo”, relembra a artista.
Para a expo, a artista fez escuta de sonhos, com início em 2018, e se estendeu até 2022. Entre essas narrativas, sentimentos sendo programados, terapeutas sendo trocados por inteligências artificiais, uma pessoa que passava a existir apenas em telas, raízes crescendo nas superfícies como se não houvesse mais chão. Além de cidades destruídas e pessoas viciadas em experiências que aconteciam dentro de óculos de realidade virtual, os chamados VR.
Anna Costa e Silva, artista que expõe no centro do Rio de Janeiro – Foto: Maira Marques .jpg
Pesquisa
Na pesquisa sobre subjetividade neoliberal e a virtualização dos afetos, passou por uma série de novos dispositivos de companhia virtual – um holograma desenhado para ser a esposa perfeita; uma boneca sexual programada para expressar emoções e satisfazer seu dono; a inteligência artificial Lamda, que pode estar se tornando senciente, até chegar ao Ministério da Solidão, criado em 2018 na Inglaterra, a partir da percepção de que a solidão é um problema de estado.
Nesse processo de pesquisa, Anna descobriu também Atafona, uma cidade no litoral norte do Rio, que está sendo engolida pelo mar e que materializa, como cenário, os universos distópicos descritos nos sonhos. Uma praia em ruínas, pedaços de construções na areia – e as raízes aparecendo pela superfície, rumo a lugar nenhum, como num dos sonhos.
Performers
Ela ainda convidou um grupo de performers mulheres para explorar essas narrativas e trazê-las para o corpo, de forma que essas histórias escapulissem de um lugar racional e se tornassem gestos, movimentos, imagens. Junto com Maria Clara Contrucci e Manuela Libman, personagens e coautoras dos textos, criou o vídeo central que dá nome à exposição. Mais três completam a experiência imersiva. Um traz Dora Selva, grávida, realizando uma dança pélvica entre as ruínas de Atafona. Outra, apresenta Dani Camara, um ser avatar que anuncia o apocalipse relacional, transformando palavras de Byung Chul-Han, Jonathan Crary, Liv Stromquist, entre outros, em um videoclipe pop-eletrônico. Por fim, há outro vídeo com Carolina Luísa lendo um poema de sua autoria: Amar é um ato políticoi, também gravado naquela cidade.
Feat.
Anna também convidou Darks Miranda – que aparece como feat da exposição, apresentando uma série de esculturas, que criam uma experiência de entrada nesse mundo onírico-distópico-digital. A exposição conta também com uma instalação composta por uma cama, onde o visitante pode deitar e escutar os sonhos narrados a partir da chamada pública, além de um ritual-performance, ao vivo, conduzido pela artista Dual.
Obra “Escuta de sonhos”, parceria com Darks Miranda – Foto: Julia Thompson

SERVIÇO
Tamagotchi_ Balé
De 6 de maio a 3 de junho
Centro Cultural Hélio Oiticica
Rua Luis de Camões, 68. Centro, Rio de Janeiro
De seg. a sáb., das 10h às 18h.
Entrada gratuita
O post Anna Costa e Silva versa sobre fim do amor e virtualização dos afetos em mostra no Rio apareceu primeiro em Harper’s Bazaar » Moda, beleza e estilo de vida em um só site.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Lifestyle

Natural ou normal?!FreePik Quando nascemos, temos uma total aceitação do que somos… aos poucos, vamos tomando contato com impressões do meio externo sobre nós…...

Gastronomia

Conheça fatos interessantes e curiosidades sobre a pipoca, esse alimento tão amado por todos na hora de um cineminha

Moda

Especialista explica como incorporar o brilho nos seus looks do dia a dia e transformá-los em produções fashion

Lifestyle

Lixão do Atacama recebe primeiro desfile de moda para alertar sobre descarte incorreto de roupasMaurício Nahas A iniciativa faz alusão ao que o universo...