Bruna Griphao e Gabriel FopReprodução/Globoplay Com o objetivo de evitar que a situação chegue a proporções mais sérias, o alerta foi dado e ficou claro que o relacionamento abusivo e tóxico existe e o público já se deu conta disso. E podemos ir além, temos aqui um típico caso de abuso psicológico chamado Gaslighting.Uma manipulação sutil, na qual o abusador enfraquece a autoestima, o amor próprio e a confiança da vítima, fazendo com que ela se coloque cada vez mais submissa, dependente e, se anulando a tal ponto que, não consiga ter a clareza destes atos perversos e coloque em dúvida suas próprias emoções e seus medos. Leia mais…